segunda-feira, maio 25, 2009

Luz no Teatro de Martim Gonçalves, A Tarde, 25 de maio de 2009


A TARDE – Caderno Cultural 23/05/2009, sábado
LIVRO RETRATA MARTIM GONÇALVES

Dois especialistas analisam obra resultante de pesquisa sobre mídia impressa e a Escola de Teatro da Ufba

Martim Gonçalves, figura-chave no processo de construção da identidade do teatro baiano, é o principal personagem do livro Impressões modernas – Teatro e jornalismo na Bahia (Ed. Vento Leste) da atriz e jornalista Jussilene Santana. Doutoranda em artes cênicas pela Ufba, instituição onde ensina, a autora se dedicou ao tema em sua pesquisa de mestrado, na qual analisa a configuração do teatro na imprensa baiana, em meados do século XX, nos jornais A TARDE e Diário de Notícias.

Entendendo que “os jornais são personagens ativos na construção da história”, Jussilene resgatou e digitalizou 2.500 fotos e matérias jornalísticas sobre teatro publicadas entre 1956 e 1961, levantando de forma inédita a crítica teatral em torno do trabalho do primeiro diretor da Escola de Teatro da Ufba. Sua dedicação fez com que a pesquisadora conquistasse o respeito da família Gonçalves, que a ela doou todo o acervo do encenador. Sua pesquisa ilumina o teatro de Martim Gonçalves, apresentando um profissional nada elitista, mas, ao contrário, “ligado à cultura popular”, e humaniza sua imagem. Estes, na opinião do diretor Ewald Hackler e do ator Gideon Rosa, que resenham o livro, são os maiores mérito da autora. Confira nas páginas que se seguem.

1 Comments:

Blogger Elenilson Nascimento said...

Olá Jussilene, tudo bem? Estou reunindo um grupo para uma antologia. Gostaria de participar com um poema?
Por favor, entre em contato! Qualquer dúvida, entre na LITERATURA CLANDESTINA.
Abraço
Elenilson
elenilsonascimento@ig.com.br
http://www.literaturaclandestina.blogspot.com/

3:57 PM  

Postar um comentário

<< Home